• Andarilho Design

Guia completo para gravar vídeos em 6 passos

Vídeos são a ferramenta ideal no momento atual do marketing. Eles são dinâmicos, mantém a atenção do expectador, engajam melhor que fotos e textos nas mídias sociais e são fáceis de produzir. Isso mesmo! Você não precisa de uma mega estrutura para começar a gravar seus vídeos. Aprenda a gravar com os 6 passos que listamos nesse artigo.



De acordo com o Google, o brasileiro passa em média 4h30 horas vendo vídeos por dia. Desse tempo todo, algo em torno de 1h47 acontece jogando video-games, asistindo streaming (como Netflix, por exemplo) ou diretamente no Youtube.


O Brasil é o segundo país do mundo que mais consome conteúdo no Youtube, atrás apenas dos Estados Unidos. Para você ter uma ideia do poder dessa plataforma, ela só não é mais assistida que a Rede Globo.


Então já passou da hora de você produzir vídeos para falar do seu negócio, da sua marca ou do seu produto e postá-lo nesse universo que só cresce e provavelmente vai ser a principal fonte de conteúdo do País.


Entretanto, muita gente ainda não produz vídeos por falta de conhecimento técnico.


Nosso objetivo com esse artigo é te mostrar que você não precisa de muito para começar a produzir seus vídeos.

De fato você só precisa do seu celular, de um microfone e da sua força de vontade.


Guia Rápido para começar a Gravar


1. Encontre o Local Perfeito


Escolha um local da sua casa ou escritório que seja tranquilo com um fundo neutro. Pode ser uma parede branca ou de qualquer outra cor. Se quiser produzir um cenário, tanto melhor. Coloque ao fundo itens que tenham a ver com o seu assunto.


Um cenário comumente utilizado no Youtube é uma estante de livros ou sala de escritório com computador, impressora, etc. Fica a seu gosto. Só cuide para que o cenário não fique muito chamativo e não roube a sua atenção.


A estrela do vídeo deve ser você.


2. Prepare o Conteúdo


Pense antes no que você vai apresentar. Uma dica é escrever um roteiro breve e memorizar suas partes principais. Há quem consiga falar direto de cabeça, mas isso exige prática. Experimente e veja o que é melhor para você.


Tente não deixar o conteúdo muito extenso. Para isso pratique antes e cronometre o tempo. Se passar dos 10 minutos, tente diminuir. Só ultrapasse esse tempo se for estritamente necessário.


Quanto mais longo for o seu vídeo, mais chances das pessoas saírem antes do final.

3. Posicione a Câmera


Decida se você quer falar sentado ou em pé. Faça testes e veja que posição te deixa mais confortável.


Posicione seu celular (ou câmera, se você tiver) em frente à você em um plano fechado. Veja o enquadramento abaixo como referência:


Um tripé vai te ajudar a escolher a altura ideal. É possível achar tripés baratos por R$50 ou menos. Há até tripés exclusivos para celular, flexíveis, que vão facilitar muito o posicionamento da câmera. Se você não tiver um tripé, empilhe algumas caixas e deixe o celular na posição correta apoiado em algum livro.


4. Dê um Up na Iluminação


Dê preferência para um ambiente bem iluminado. Se possível posicione um abajur ou luminária próxima de você em um ângulo de 45 graus. Isso vai criar um preenchimento e deixar seu vídeo mais bonito.


Se seu vídeo estiver muito escuro ou com luz insuficiente há poucas chances das pessoas quererem assisti-lo.


5. Se precisar, invista em um Microfone


Mais do que a imagem, é o áudio do seu vídeo que vai determinar se as pessoas vão assisti-lo ou não. Muitas vezes elas toleram uma imagem ruim, caso o áudio esteja ok. Porém, um áudio ruim é difícil de aguentar, mesmo com uma qualidade de imagem cinematográfica.


Faça um teste com o som do seu celular no ambiente que você for gravar. Se for um local silencioso e um bom aparelho que capte o áudio de forma aceitável, continue com a gravação. Caso o vídeo de teste resulte com ruídos externos e deixe sua voz muito distante, compre um microfone de lapela. Há modelos a partir de R$80 que funcionam muito bem direto com o celular.


6. Hora da Edição


Depois da gravação pronta, falta a Edição. Se você ainda não sabe editar, precisará aprender a usar algum software ou terá que terceirizar esse serviço para algum editor. A boa notícia é que existem muitos softwares fáceis de usar. Alguns diretamente pelo celular.


Um aplicativo que eu pessoalmente já testei no celular foi o InShot. Outro software bom e prático que usamos aqui na Andarilho, porém nos computadores, é o Movavi. Iremos postar um tutorial dele aqui em breve.


Embora a Edição permita milhares de recursos e possibilidades, concentre-se inicialmente em cortar os trechos em que você errou, gaguejou ou demorou demais para falar. Todo software funciona de forma similar. Você corta esses trechos e os exclui. Ao final deve ficar com o vídeo direto e limpo.


Agora que você já sabe gravar seus vídeos, corre para produzir e promover sua marca de forma barata e eficiente! E, caso precise de uma mão em qualquer uma dessas etapas, chama o Andarilho.

0 visualização

Felipe Perazza é Designer Gráfico, Fotógrafo e Videomaker. Formado em Design pelo Mackenzie, é especialista em Branding e Marketing Digital. Compartilha aqui no blog do Andarilho o que aprende na teoria e o que aplica na prática, sempre de forma cética e sem conversa fiada.

Andarilho Design

Especialistas em Criação de Logotipos e Identidade Visual

para pequenas e médias empresas

R. Almeida Torres, 108, Cj 1005

Aclimação, São Paulo

11 97138-7665

contato@andarilho.rocks

  • icone facebook branco
  • icone instagram branco
  • icone youtube branco
  • icone linkedin branco

Assine nossa Lista e

receba conteúdos exclusivos

© 2019 Andarilho Design